Companhia de artes apresenta musical sobre Santa Dulce dos Pobres

Depois de viajar por várias épocas e países ao redor do mundo para contar as histórias de grandes santos como São Francisco de Assis, Santa Clara, Santa Tereza, Santo Agostinho e tantos outros, em 2021, a Companhia de Artes Ruah apresenta o musical O GRITO DOS OPRIMIDOS, sendo o primeiro inspirado numa santa brasileira.

Este ano, a Cia traz para o público de Imperatriz e região, a história de Santa Dulce dos Pobres. Filha de Augusto Lopes Pontes e Dulce Maria de Souza Brito Lopes, a baiana Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes nasceu em 1914 em Salvador. Ao tornar-se religiosa na Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, passou a ser chamada de Irmã Dulce, em homenagem a sua mãe. A freira era popularmente conhecida como o “Anjo bom da Bahia”.

O Diretor Geral, Victor Sabbag, conta de quem foi a ideia de trazer Santa Dulce como inspiração nestes tempos atuais de pós pandemia. “O musical deste ano foi uma sugestão de nosso bispo, Dom Vilsom Basso. Trazer para o palco a história de uma santa brasileira é contar também a história do nosso país com seus costumes, moda, arte. Inclusive, acredito que seja muito providencial trazer Santa Dulce e toda a caridade que permeia sua história para o público que, como cada um de nós, sofreu e ainda sofre as consequências desse tempo de pandemia”, comenta.


Anjo bom da Bahia

Irmã Dulce era conhecida pelas ruas do centro de Salvador por viver buscando doações para os pobres e doentes. Em 1949 improvisou, no galinheiro do convento, um abrigo para acolher os doentes que resgatava nas ruas de Salvador. Na década de 60 foi fundado o Hospital Santo Antônio, coração das Obras Sociais de Irmã Dulce. Ela foi internada com problemas respiratórios em 1990 e faleceu dois anos depois, em sua casa, no Convento Santo Antônio.

Beatificada em 2011 numa celebração que reuniu mais de 70 mil fiéis e canonizada dia 13 de outubro de 2019 no Vaticano, a religiosa foi proclamada pelo Papa Francisco como “Santa Dulce dos Pobres”, tornando-se a primeira santa brasileira.

Maiores informações

O espetáculo fica em cartaz nos dias 19, 20 e 21 de novembro no teatro Ferreira Gullar. Para garantir seu lugar na plateia do teatro Ferreira Gullar, acesse o site www.baladapp.com.br e adquira seu ingresso por apenas R$ 20,00 (Inteiro) e R$ 10,00 (Meia entrada). Confira o dia e os horários das sessões.

Sexta-Feira (19/11) – 20h
Sábado (20/11) – 19h e 21h
Domingo (21/11) – 19h e 21h

Por Assessoria de Imprensa da Companhia de Artes Ruah.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Veja Também

Tempo do Advento: Preparar os caminhos do Senhor

Está se aproximando a celebração do Natal do Senhor, solenidade tão querida e amada por todo o povo e que,…
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Tempo do Advento: Preparar os caminhos do Senhor

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Igreja no Brasil apresenta identidade visual do Ano Jubilar Missionário 2022

As Pontifícias Obras Missionárias (POM) lançaram no sábado, 20 de novembro – data que marca os seus 43 anos no…
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Igreja no Brasil apresenta identidade visual do Ano Jubilar Missionário 2022

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Tem início, primeira Assembleia Eclesial Latino-americana e do Caribe

Na Solenidade de Cristo Rei, neste 21 de novembro, aos pés de Maria de Guadalupe, a Igreja da América Latina…
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

Tem início, primeira Assembleia Eclesial Latino-americana e do Caribe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter

receba nossas atualizações!

Atendimento de segunda a sexta
  08h às 12h e 14h às 18h
   [email protected]
   Av. Dorgival Pinheiro de Sousa, 396
Centro – Imperatriz – Maranhão
CEP: 65903-270 | Caixa Postal: 122

Siga-nos

   (99) 3524-8665
   (99) 3524-8652

© Copyright Diocese de Imperatriz – MA. Feito com por

© Copyright Diocese de Imperatriz – MA.
Feito com por